domingo, 12 de junho de 2011

Vice-direção.

    O vice-diretor tem em seu encargo, especialmente a supervisão de apoio e a substituição eventual do Diretor, tendo como atribuições, em especial as abaixo descritas:
 *  Promover a articulação entre os setores e os recursos humanos em
torno da finalidade e objetivos da Escola;
 *  Dinamizar o fluxo de informações entre a SMED e vice-versa.

                                               O que é o Vice-Diretor de Escola?
É o professor que, afastado da sala de aula e designado para esse Posto de Trabalho.

                                               O que faz o Vice-Diretor de Escola?
Integra a direção da escola, assessora e substitui o Diretor em todos os impedimentos legais e temporários (exceto faltas), por períodos de até 89 dias.

                       O que é preciso para ser Vice-Diretor de Escola?
a) ter licenciatura plena em Pedagogia ou Pós-graduação (mestrado ou doutorado) na área de Educação;
b) ter, no mínimo, cinco anos de efetivo exercício no Magistério;
c) pertencer, de preferência, à unidade escolar e
d) submeter-se à aprovação pelo Conselho de Escola caso pertença a outra unidade escolar.

              O Vice-Diretor de Escola pode se afastar? Se isso ocorrer, poderá haver substituição?
   Sim. O Vice-Diretor pode se afastar para: campanha eleitoral, férias,
licença-gestante, licença-prêmio, licença-saúde, ou quando estiver
substituindo Diretor de Escola. Poderá ser substituído nos
impedimentos iguais ou superiores a 30 (trinta)

                                                   É dever do Diretor e do Vice-diretor:
 * Atribuições e competências (cumprir e fazer cumprir as leis)
 Tudo deverá estar em Ata.
 *Livro-ponto (verificá-lo diariamente).
Verificar a ausência, freqüência e saídas dos servidores que devem ser registradas.
 * Ética
As ações, palavras e atitudes da direção da escola são muito importantes.
 * Verbas públicas
A aplicação da verba pública tem que ser totalmente transparente, via divulgação à comunidade, aos alunos, no mural escolar, nas atas e no Conselho de Escolar. Guardar toda e qualquer circular a respeito destas verbas, porque serão documentos comprobatórios da transparência.
 * Diário de Classe
A equipe diretiva deve estar aparte do Diário de Classe, organizado pelo professor.
 *Documentos
Todos os documentos assinados pela direção necessitam de conferência rígida, desde atestados de escolaridade até instrução de processos e expedientes.





   "Pensando um pouco mais, percebi que o fundamental não é a escola ter um planejamento estratégico, mas ter a cultura do planejar, sem a qual organização estará, inevitavelmente, fadada ao fracasso Assim como não  se constrói um prédio ou  uma estrada sem projeto, não se deve construir uma escola sem planejamentos.”
                                                                                                                        (BORGES, Pedro Faria)  
   Como o autor nos fala, é fundamental as escolas terem planejamentos para todas as atividades desempenhadas dentro deste espaço. Pois, assim se constrói uma organização “rica” em pensamentos, discussões e por fim a execução do planejamento.

http://www.drb-assessoria.com.br/Licao1_AEscolacomoSistema.pdf


   Em 1999 foi realizado uma pesquisa sobre gestão escolar, em onze municípios, a nossa capital Porto Alegre foi concluído que:
* Com o projeto Escola Cidadã, valoriza a escola como instituição pública, democrática, de direito universal e promotora de um ensino de qualidade.
* As propostas de educação enfatizaram a necessidade de um projeto político pedagógico, como um espaço para se repensar a prática pedagógica.

                                         http://www.scielo.br/pdf/es/v20n67/v20n67a04.pdf

   O fracasso escolar está associado em muitas vezes a forma que a equipe diretiva está se organizando, para a aprendizagem acontecer não depende só do professor e do aluno, depende também de toda estrutura
pedagógica que a equipe diretiva formará.
“Não há como administrar absolutamente nada sem informação. E a informação é oriunda dos dados. Se não houver coleta sistemática e interpretação de dados, é impossível tomar decisões, não há bases para as decisões do gestor.”
(JORNAL ESCOLA CAMPEÃ, ano 3 número 6 – Novembro/2003 a Janeiro/2004, p.6, Apud HATTGE, 2007)

    Uma ferramenta fundamental da escola é a informação, precisa estar informado sempre sobre o que está acontecendo do mundo, sobre o que está acontecendo no mundo de cada aluno, que muitas vezes é
complicado, mas não é impossível.

                        http://bdtd.unisinos.br/tde_arquivos/10/TDE-2008-04-30T131551Z 
                        490/Publico/escola%20campea%20estrategias.pdf

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário